Conecte-se Conosco

Paranavaí

Polícia Civil desencadeia “Operação Mendax” para elucidar crime em Ji-Paraná

Avatar

Publicado

em

Na última quinta-feira (8), o Governo de Rondônia, por meio da Polícia Civil (PC) e a Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Ji-Paraná (Derf), realizou a Operação Mendax, como o objetivo de elucidar um crime que aconteceu em abril de 2021, em Ji-Paraná.

Polícia Civil fez buscas e apreensões em torno da chácara do suspeito do crime

Mergulhadores do CBM fizeram buscas na represa da chácara

Logo nas primeiras horas, a equipe da PC cumpriu o mandado de busca e apreensão e também a prisão temporária do dono de uma em uma chácara, na zona rural do município. O caso estava sendo apurado por três meses pela Polícia Civil. “As investigações ainda vão continuar, pois muita coisa precisa ser esclarecida”, ponderou o delegado titular da Derf, Júlio César. Durante o interrogatório, o suspeito confessou o crime, mas não revelou o motivo. Os mergulhadores do Corpo de Bombeiros Militar (CBM) fizeram buscas na represa da chácara, para tentar encontrar o aparelho celular da vítima. A operação teve a duração de cerca de 10 horas. A ação contou com 25 policiais civis e o apoio do 2° Grupamento do Corpo de Bombeiros Militar de Ji-Paraná. Os delegados, Thiago Flores e Renata Stella também participaram da operação.

Mendax

O nome da operação faz referência ao termo “mentira”, do latim. Isso por que as circunstâncias do fato foram construídas a partir de declarações mentirosas, especialmente de investigados.

Governo do Estado de Rondônia

Comente usando o Facebook

H. Eduardo Pessoa é Jornalista e Desenvolvedor de diversos Portais de Notícias como este destinado à Empreendedores, Jornalistas e Pequenas e Médias Empresas. Experiência de mais de 12 mil notícias publicadas e nota máxima de satisfação no Google e Facebook com mais de 79 avaliações de clientes.

Paranavaí

Silvercop é solto pela Justiça e responderá os processos em liberdade

Roy Junior

Publicado

em

O influenciador Derick Silvério, conhecido como Silvercop, foi solto pela Justiça na tarde desta segunda-feira (22) e responderá o processo em liberdade. Ele foi preso no dia 6 de abril e indiciado por posse de drogas e de arma de fogo durante a Operação Narciso, realizada pela Delegacia de Paranacity.

Segundo a advogada de Silvercop, Tatiane Lopes, ele já está com a família. “Conseguimos e a liberdade foi concedida. Deus seja louvado”, disse, feliz pela decisão judicial.

Tatiane explicou que durante o processo ele não poderá se ausentar da comarca sem autorização. Em relação aos carros sequestrados pela Polícia Civil no dia 7 de abril, foi realizado o pedido de restituição por parte da defesa, composta também pelos advogados Natassia Tapxure, Anderson Alarcon e Jhordan Rick.

De acordo com Tatiane, circula uma informação de que ela teria sido retirada do caso. “As pessoas acham que eu fui tirada do caso, quando, na verdade, eu sempre estive à frente, inclusive fui eu com a doutora Natassia que conversamos com o promotor”, afirma.

Entenda o caso
Sivercop foi preso em Paranavaí na sexta-feira, 6 de abril, durante uma operação policial que resultou na apreensão de drogas, armamento e uma grande quantia em dinheiro. A ação foi originada da Operação Narciso, realizada pela delegacia de Paranacity.

O objetivo foi o de reprimir os crimes de roubo e receptação de veículos, especialmente caminhonetes, na região Nordeste do Paraná. A ação abrangeu mandados de busca e apreensão nos municípios de Paranacity, Arapongas, Nossa Senhora das Graças, Colorado, Santa Fé, e Paranavaí, onde o influenciador Silvercopp foi preso.

Durante o cumprimento dos mandados de busca e apreensão desta sexta-feira, o foco foi identificar pessoas envolvidas na receptação de veículos furtados/roubados e peças de motocicletas provenientes desses crimes. A ação abrangeu oito residências nas cidades de Paranacity, Paranavaí, Colorado, Santa Fé e Astorga.

Nas buscas na residência do influenciador, os policiais encontraram armas de fogo, drogas e mais de R$ 100 mil em espécie, incluindo dólares. Já no sábado, o ponto central da Operação O Método foi o cumprimento de mandados de busca e sequestro de veículos de alto valor ligados ao influencer.

Fonte: Cibele Chacon – Da Redação Diário do Noroeste

Publicidade

Foto: Redes Sociais

Comente usando o Facebook

Continue Lendo

Paranavaí

Feira Azul, no sábado, terá serviços gratuitos para famílias de autistas em Paranavaí

Roy Junior

Publicado

em

No próximo sábado, dia 27 de maio, a Prefeitura de Paranavaí e entidades parceiras vão realizar a Feira Azul, uma atividade voltada para as famílias de autistas com oferta de serviços de gratuitos. A Feira Azul está marcada para acontecer das 8h às 12h, na Escola Municipal Cecília Meireles (em frente à Praça da Xícara).

As famílias de autistas (pais, mães, irmãos e os próprios pacientes autistas) que forem até a Escola Cecília Meireles terão à disposição vários serviços gratuitos como acolhimento psicológico, orientação nutricional, orientação de fisioterapia, manicure, limpeza de pele, aferição de pressão arterial e glicemia, orientações sobre a emissão da Carteirinha do Autista, orientação sobre os serviços do Centro de Atendimento ao Autista de Paranavaí, além de recreação com alunos do curso de Educação Física.

“A Feira Azul foi pensada principalmente para os pais, mães e responsáveis por pacientes autistas, tanto os cadastrados no sistema público como no privado. Eles, que se dedicam tanto a dar atenção e cuidar, e muitas vezes acabam esquecendo de si mesmos, poderão neste dia também receber um pouco de atenção e cuidados especiais”, frisa a organizadora da Feira, Hellen Zaine Matsumoto.

A Feira Azul acontecerá através de uma parceria entre a Prefeitura de Paranavaí, SESC, UniFatecie e Unipar.

Fonte: Ass. Pref. Pvaí

Comente usando o Facebook

Continue Lendo

Paranavaí

Paranavaí abre Chamamento Público para entidades que queiram realizar projetos artísticos e culturais na Casa da Cultura

Roy Junior

Publicado

em

A Fundação Cultural de Paranavaí está publicando nesta segunda-feira (22) o Edital de Chamamento Público nº 01/2024, que vai selecionar entidades e organizações da Sociedade Civil, sem fins lucrativos, para realizar projetos artísticos e culturais de caráter socioeducativo, atendendo aos termos da Lei nº 13.019/2014, do Decreto Municipal nº 22.889/2021.

Através do Edital de Chamamento Público, a Fundação Cultural vai celebrar parceria com as entidades através de um Termo de Colaboração para a realização de cursos na Casa da Cultura nas áreas de Música, Teatro, Dança, Audiovisual e Artes Visuais, a exemplo do que já foi executado em 2023.

O Edital será aberto nesta segunda-feira, dia 22 de abril, e receberá inscrições até o dia 21 de maio. As informações completas do Edital estarão disponíveis no site da Prefeitura de Paranavaí (www.paranavai.atende.net), acessando o Portal da Transparência e sem seguida clicando em Chamamento Público.

Mais informações podem ser obtidas diretamente na Fundação Cultural, através do e-mail [email protected] ou pelo telefone (44) 3902-1128.

Fonte: Ass. Pref. Pvaí

Comente usando o Facebook

Continue Lendo
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Policial

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas